sexta-feira, 29 de julho de 2011

Caldeirão do Inferno

CALDEIRÃO DO INFERNO

Queimadas - Caldeirão Verde - CALDEIRÃO DO INFERNO - Queimadas (16km)



A nossa aventura começa nas Queimadas (N 32° 47.017 W 016° 54.387). Estaciona ai o teu carro e segue a levada.

Our adventure begins in Queimadas (N 32° 47.017 W 016° 54.387). Park your car there and follow the levada.



Pelo caminho terás vários túneis (o maior com 200m) pelo que a lanterna é obrigatória. Poderás também observar várias plantas, formações geológicas e desfrutar de maravilhosas paisagens sobre Santana e São Jorge.

Along the way you have several tunnels (the largest with 200 m) therefore the flashlight is mandatory. You can also observe various plants, geological formations and enjoy wonderful views over Santana and São Jorge.



Depois de uma visita ao Caldeirão Verde, deverás regressar à levada e seguir em direcção ao Caldeirão do Inferno. Nesta parte final a levada apresenta várias partes sem protecção pelo que será necessário ter algum cuidado.

After a visit to Caldeirão Verde, you must return to the levada and continue to Caldeirão do Inferno. This final section of the levada presents various areas without protection so you will need some extra caution.



A dada altura é necessário descer ao fundo duma depressão para onde outrora vertia uma pequena cascata, hoje seca porque as àguas foram captadas pela levada que nasce por cima do Caldeirão Verde e que deste as roubou para abastecer a Central da Fajã da Nogueira.

At a certain point is necessary to descend to the bottom of a depression where a small waterfall once poured, now run dry because the waters were taken by a levada that originates above Caldeirão Verde and that supplies the Faja da Nogueira hydroelectric power plant.



Depois deste desvio, deverás regressar à levada que agora se apresenta sem àgua. Continua em frente até encontrar uma escadaria íngreme que é necessário subir até um patamar junto ao qual se abre um túnel em direcção à Fajã da Nogueira e onde se confluem duas levadas: uma tem a sua origem sobre o Caldeirão Verde e a outra que surge à direita para quem sobe, transporta àguas captadas na área do Caldeirão do Inferno. É por esta segunda levada que se vai até o Caldeirão do Inferno. São apenas cerca de 1000m embora com alguns troços em túnel.

After this deviation, you should return to the levada that now presents itself without water.Continue along until you find one steep staircase that you need to climb till you find the tunnel towards Faja da Nogueira and where two levadas converge: one has its origin on the Caldeirão Verde and the other on the right, carrying the waters captured in the Caldeirão do Inferno. It is in this levada that you get to the Caldeirão do Inferno. It's only about 1000m but with some sections in tunnels.



Esta zona é uma vale em garganta, talhado pelas àguas ao longo duma linha em que as rochas se mostraram menos resistentes.

This area is a canyon, carved by the waters along a line where the rocks were less resistant.


Outros percursos para a cache/ Other paths to the cache:

Pico das Pedras - Queimadas - Caldeirão Verde - CALDEIRÃO DO INFERNO - Pico das Pedras (18km)
Queimadas - Caldeirão Verde - CANYON DO INFERNO - Fajã da Nogueira (16km)
Queimadas - Caldeirão Verde - CANYON DO INFERNO - Ilha (15km)
Queimadas - Caldeirão Verde - CANYON DO INFERNO - Fajã do Penedo (15km)

Reações:

0 comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Geocaching Video